Economizar energia

  • Tape suas panelas enquanto cozinha
  • Cozinhe com fogo mínimo - Se você não faltou às aulas de física no 2º grau você sabe: Não adianta, por mais que você aumente o fogo, sua comida não vai cozinhar mais depressa, pois a água não ultrapassa 100ºC em uma panela comum. Com o fogo alto, você vai é queimar sua comida.
  • Coma menos carne vermelha - A criação de bovinos é um dos maiores responsáveis pelo efeito estufa. Não é piada. Você já sentiu aquele cheiro pavoroso quando você se aproximou de alguma fazenda/criação de gado? Pois é: É metano, um gás inflamável, poluente, e megafedorento. Além disso, a produção de carne vermelha demanda uma quantidade enorme de água. Para você ter uma idéia: Para produzir 1kg de carne vermelha é necessário 200 litros de água potável. O mesmo quilo de frango só consome 10 litros .
  • Use somente pilhas e baterias recarregáveis
  • Troque suas lâmpadas incandescentes por fluorescentes - Lâmpadas fluorescentes gastam 60% menos energia que uma incandescente. Assim, você economizará 136 quilos de gás carbônico anualmente.
  • Compre alimentos produzidos na sua região - Fazendo isso, além de economizar combustível, você incentiva o crescimento da sua comunidade, bairro ou cidade.
  • Compre alimentos frescos ao invés de congelados - Comida congelada além de mais cara, consome até 10 vezes mais energia para ser produzida.
  • Desligue o computador - Muita gente tem o péssimo hábito de deixar o computador de casa ou da empresa ligado ininterruptamente, às vezes fazendo downloads, às vezes simplesmente por comodidade.. Desligue o computador sempre que for ficar mais de 2 horas sem utilizá-lo e o monitor por até quinze minutos.
  • Considere trocar seu monitor - O maior responsável pelo consumo de energia de um computador é o monitor. Monitores de LCD são mais econômicos, ocupam menos espaço na mesa e estão ficando cada vez mais baratos.
Mais dicas em: http://ambienteecologico.blogspot.com/

Talheres feitos de batata

talheres de batata

Uma empresa arranjou forma de fazer talheres em batata, chamado-lhes Vegware. (Ou, em Português, Balheres?)
Estes talheres são, obviamente, biodegradáveis e muito baratos, também! Um saco com uma mistura de 10 facas, garfos e colheres custa cerca de 4.5 euros. Mas um saco com 1.000 facas, para comerciantes, custará 45 euros.
Curiosamente, estes talheres são ainda mais resistentes do que os talheres em plástico, graças ao amido das batatas.
Clique aqui para saber mais.

Fonte: www.portaldeambiente.com

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails